Anonymous atacam sites do Reino Unido

Isto em defesa de Julian Assange, fundador do Wikileaks, que se encontra em exilo na Embaixada do Equador em Londres, e que será preso pelas autoridades britânicas assim que saia.

O grupo hacktivista assume ter lançado ataques DDoS ao Departamento de Justiça Inglês , em nome de uma campanha a que chamaram #OpFreeAssange.

O site encontra-se mesmo em baixo esta manhã, mas não continha informações ‘sensíveis’, e já estão a ser tomadas medidas para voltar a por o website online.

Enquanto isso, Julian Assange luta contra a extração para a Suiça, de modo a evitar a possibilidade de ser extraído para os EUA, onde teria que responder em tribunal pelo conteúdo que publicou no seu site.