Cresce movimento para denunciar página de Passos Coelho no facebook como roubo

O movimento nasceu mais uma vez nas redes sociais mas já vários websites e blogs o apoiaram. Trata-se de uma vingança meramente simbólica e o objectivo é o de denunciar a página oficial de Pedro Passos Coelho no facebook como “violência ou comportamento nocivo”, mais especificamente na categoria de “roubo ou vandalismo”.

A iniciativa já ganhou centenas de apoiantes entre os quais a página dos indignados de Lisboa e parece ser mais um tipo de resposta ao discurso de Pedro Passos Coelho ao país na passada sexta-feira.

Comentários

  1. Joaquim Nelas diz:

    Conte comigo, nao quero derrubar o governo, quero sim que estes acordem e protejam de vez o povo e a economia, porque sem ambos, vao ser governo de pedras.

  2. Joaquim Nelas diz:

    Conte comigo, nao quero derrubar o governo, quero sim que estes acordem e protejam de vez o povo e a economia, porque sem ambos, vao ser governo de pedras.

  3. rui almeida diz:

    pois eu quero que o governo caia e que o povo saia a rua, armas nao faltam na população civil, estamos a espera do que?

  4. rui almeida diz:

    pois eu quero que o governo caia e que o povo saia a rua, armas nao faltam na população civil, estamos a espera do que?

  5. Antonio diz:

    Este primeiro ministro e toda a sua cambada de ladrões,não teem vergonha de roubar os reformado. Os pobres dos trabalhadores com ordenados de miséria. é sempre quem menos tem que paga todos os impostos e a seguir é roubado…Porque razão eles não baixam os ordenados deles para 3 ordenados minos, pagarem todos os descontos, impostos ao estado.deiem o exemplo pelo país. se não querem ruuuuuuua…

  6. Antonio diz:

    Este primeiro ministro e toda a sua cambada de ladrões,não teem vergonha de roubar os reformado. Os pobres dos trabalhadores com ordenados de miséria. é sempre quem menos tem que paga todos os impostos e a seguir é roubado…Porque razão eles não baixam os ordenados deles para 3 ordenados minos, pagarem todos os descontos, impostos ao estado.deiem o exemplo pelo país. se não querem ruuuuuuua…

  7. José Carlos diz:

    Este governo chegou ao limite, Peedro Passos Coelho é um garoto sem experiencia que não pode estar à frente dum país como Portugal com a história que tem. Tem que se dimitir imediatamente. Caso contrario o presidente Cavaco Silva tem que o demitir , caso contrário corre o risco de ir também para a rua.

    1. pedro coeho diz:

      foi a maioria estupida que votaram neles,,agora guicham

  8. José Carlos diz:

    Este governo chegou ao limite, Peedro Passos Coelho é um garoto sem experiencia que não pode estar à frente dum país como Portugal com a história que tem. Tem que se dimitir imediatamente. Caso contrario o presidente Cavaco Silva tem que o demitir , caso contrário corre o risco de ir também para a rua.

    1. pedro coeho diz:

      foi a maioria estupida que votaram neles,,agora guicham

  9. costa R. diz:

    e fui eu votar no paulinho para me roubar o 13e14 mês estes gaijos tem que dar de frosque, eu pago a gasolina e eles tem carros de borla????

    1. L diz:

      Obrigado pela sua contribuição para afundar Portugal.
      Não veja as coisas desse prisma, abdicou do 13 e 14 mês para aprender alguma coisa.
      A questão é, será que aprendeu?

  10. costa R. diz:

    e fui eu votar no paulinho para me roubar o 13e14 mês estes gaijos tem que dar de frosque, eu pago a gasolina e eles tem carros de borla????

    1. L diz:

      Obrigado pela sua contribuição para afundar Portugal.
      Não veja as coisas desse prisma, abdicou do 13 e 14 mês para aprender alguma coisa.
      A questão é, será que aprendeu?

  11. Fernando diz:

    O Sr. Rui Almeida, tém razão. Este país só la vaí a tiro. Fizeram o 25 de Abril para os militares que estavam (“ganhando pouco”) e o povo (calhaus com olhos) foi todo a aplaudir e dar cravos. Agora está na altura dos (“calhaus com olhos”) serem os militares, e o povo ser os donos do “25 de Abril”. Toda esta escumalha que nos rouba a torta e direito tém que ser abatida. CAMBADA DE CHULOS, PARASITAS, que não sabem fazer nada. Prontos sempre para receberem grandes reformas.

  12. Fernando diz:

    O Sr. Rui Almeida, tém razão. Este país só la vaí a tiro. Fizeram o 25 de Abril para os militares que estavam (“ganhando pouco”) e o povo (calhaus com olhos) foi todo a aplaudir e dar cravos. Agora está na altura dos (“calhaus com olhos”) serem os militares, e o povo ser os donos do “25 de Abril”. Toda esta escumalha que nos rouba a torta e direito tém que ser abatida. CAMBADA DE CHULOS, PARASITAS, que não sabem fazer nada. Prontos sempre para receberem grandes reformas.

  13. jgomes diz:

    Eu sou reformado a quem roubaram um subsídio e agora vão-me roubar mais dois. Á coisas que este governo está a fazer com que não concordo, como o que estava previsto, aumentar a TSU para os trabalhadores e diminuir para os patrões. Podemos não concordar com este governo de até poder estar a fazer tudo errado, mas chamá-los de gatunos e ladrões! Porquê. Lembram-se do 25 de Abril, em que Portugal tinha os cofres cheios de ouro? Pra onde foi esse ouro, quem desbaratou boas empresas, quem destruiu as terras que estavam a ser cultivadas? Quem? Vasco Gonçalves e sua corje. Quem depois deles tomou o poder e acabou com o resto? Onde estão os envolvidos em processos ou não estão envolvidos e hoje vivem à grande e à francesa e ninguém lhes chama gatunos? Porque estamos a crucificar estes que apesar de nos estarem a ir aos bolsos sabemos que não estão a metê-lo no deles, mas antes a pagar os erros dos outros. Tenham paciência e chamem os nomes a quem devem chamar. Um abraço.

    1. Pedro Moreira diz:

      Finalmente alguém que vê a realidade! Parabéns pelo seu comentário.
      Também prefiro que estes me vao ao bolso do que os outros (entre eles o maior estuprador dos impostos dos Portugueses, O SR SOCRATES) — esse sim! foi dos maiores ladrões da história nacional e ainda por cima fugiu e não deverá voltar para prestar contas….e devolver o que exturquiu do povo….
      VIVA O PASSOS COELHO… O UNICO POLITICO SÈRIO DESDE O TAL 25 DE ABRIL….
      e não digo mais só para não me enervar….

  14. jgomes diz:

    Eu sou reformado a quem roubaram um subsídio e agora vão-me roubar mais dois. Á coisas que este governo está a fazer com que não concordo, como o que estava previsto, aumentar a TSU para os trabalhadores e diminuir para os patrões. Podemos não concordar com este governo de até poder estar a fazer tudo errado, mas chamá-los de gatunos e ladrões! Porquê. Lembram-se do 25 de Abril, em que Portugal tinha os cofres cheios de ouro? Pra onde foi esse ouro, quem desbaratou boas empresas, quem destruiu as terras que estavam a ser cultivadas? Quem? Vasco Gonçalves e sua corje. Quem depois deles tomou o poder e acabou com o resto? Onde estão os envolvidos em processos ou não estão envolvidos e hoje vivem à grande e à francesa e ninguém lhes chama gatunos? Porque estamos a crucificar estes que apesar de nos estarem a ir aos bolsos sabemos que não estão a metê-lo no deles, mas antes a pagar os erros dos outros. Tenham paciência e chamem os nomes a quem devem chamar. Um abraço.

    1. Pedro Moreira diz:

      Finalmente alguém que vê a realidade! Parabéns pelo seu comentário.
      Também prefiro que estes me vao ao bolso do que os outros (entre eles o maior estuprador dos impostos dos Portugueses, O SR SOCRATES) — esse sim! foi dos maiores ladrões da história nacional e ainda por cima fugiu e não deverá voltar para prestar contas….e devolver o que exturquiu do povo….
      VIVA O PASSOS COELHO… O UNICO POLITICO SÈRIO DESDE O TAL 25 DE ABRIL….
      e não digo mais só para não me enervar….

  15. dia tonica953 diz:

    Este gajo é simplesmente ANARQUISTA, é contra a República. Fora com ele.

  16. dia tonica953 diz:

    Este gajo é simplesmente ANARQUISTA, é contra a República. Fora com ele.

  17. Silva diz:

    força….porrada nesses gajos

  18. Silva diz:

    força….porrada nesses gajos

  19. Tinoca xD diz:

    POR FAVOR.
    denunciem a página de ministro dele. sejam decentes e respeitem-no quanto ser humano.
    beijos e abraços 🙂

  20. Tinoca xD diz:

    POR FAVOR.
    denunciem a página de ministro dele. sejam decentes e respeitem-no quanto ser humano.
    beijos e abraços 🙂

  21. arvaz diz:

    O igmoes que escreveu aquela merda,a defender o p? do Passos Coelho é outro tal como ele,vamos lá mudar de assunto e diser a verdade,o passos coelho não vale mesmo uma merda,antes dizia que o Sr.Exl.SOCRATES era isto e aquilo,e agora ele que só faz MERDA,o que diz hoje,vêm amanhâ logo diser o contrário…grande merda nos avería de cair no governo.

  22. arvaz diz:

    O igmoes que escreveu aquela merda,a defender o p? do Passos Coelho é outro tal como ele,vamos lá mudar de assunto e diser a verdade,o passos coelho não vale mesmo uma merda,antes dizia que o Sr.Exl.SOCRATES era isto e aquilo,e agora ele que só faz MERDA,o que diz hoje,vêm amanhâ logo diser o contrário…grande merda nos avería de cair no governo.

  23. Devia ter mais adjectivos para classificar a página essa espécie de pessoa…

  24. Devia ter mais adjectivos para classificar a página essa espécie de pessoa…

  25. povoemfrente diz:

    É por haver pessoas que ainda defendem estes chulos (para não lhes chamar outra coisa) que PORTUGAL está como está. E quem disse que eles não metem dinheiro aos bolsos, não deve viver neste mundo ou também é do partido.
    Força POVO, só unidos é que vamos lá!

  26. povoemfrente diz:

    É por haver pessoas que ainda defendem estes chulos (para não lhes chamar outra coisa) que PORTUGAL está como está. E quem disse que eles não metem dinheiro aos bolsos, não deve viver neste mundo ou também é do partido.
    Força POVO, só unidos é que vamos lá!

  27. Pedro Moreira diz:

    Bem…com todo o respeito por todos os que sofrem com estas medidas, e eu sou um deles e não me considero masoquista…. tenho o seguinte a dizer:
    Todos os que andaram 30 anos a ver todos os politicos a roubar e afundar o País a cada dia que passava… meus Srs.tenham vergonha! Deviam se ter insurgido todos mais cedo, quando o desemprego aumentava, o crescimento era quase nulo, o défice aumentava todos os anos, o dinheiro dos Portugueses ia inteiramente para pagar os serviços públicos e maus que nos prestavam, os sacos azuis, verdes e vermelhos,,, alusão ao dinheiro que outros governantes davam de mão beijada à mafia do futebol… enfim, nessa altura deviam ter rolado cabeças..
    Ainda em defesa do Dr. Passos Coelho, devo dizer que foi o único 1º com tomates para fazer o que deveria ter sido feito à 20 anos atrás, para que nos tivessemos tornado um País moderno, sério e livre de bandidos e corruptos. Acreditem que Portugal estará a crescer mais de 3,5% em 2015. … e só o crescimento nos dá liberdade para puder baixar impostos sem pedir mais dinheiro aos paises ricos.
    Lamento que os Portugueses tenham sido tão benovelentes com os outros politicos e que agora na ruptura se insurjam contra o melhor de todos os que lá passaram…. sorry!!!!

    1. carlos pereira diz:

      O melhor? vc anda a fumar aquela erva que faz rir? Lembro-me perfeitamente de Passos Coelho dizer que não tinha apoiado o PEC IV porque os Portugueses não podiam suportar mais sacrifícios e um dia depois foi dizer exatamente o contrario! E não só dizer como promover uma politica de austeridade exagerada que nem tinha sido pedida pela troika, aliás foi Passos Coelho que quis ir alem da troika, o País está nestas condições por culpa deste Governo, se me disser que os anteriores também foram culpados posso estar de acordo, só que nessa altura pelo menos também se viram coisas boas, hoje tudo o que se vê é negativo, não fazem ideia de como governar um País, nunca vi tamanha incompetência! Segunda-feira, Junho 10, 2013″A crise em Portugal é muito mais séria do que há dois anos”
      Robert Fishman, professor na Universidade de Notre Dame, ficou conhecido dos portugueses quando publicou, no diário The New York Times, um artigo intitulado Portugal’s Unnecessary Bailout (parcialmente traduzido no Jornal de Negócios), no qual defendia que “Portugal não precisava de ajuda externa”.
      Dois anos depois, Fishman é entrevistado na última edição do Expresso (p. 8). Eis duas passagens da entrevista:
      – Portugal não cresceu na última década, tinha um défice persistente e uma dívida pública a aumentar depressa. Não eram razões para um resgate?
      – De forma nenhuma. As exportações estavam a crescer, havia indicadores muito positivos — na educação eram os mais positivos em toda a Europa do Sul — e o défice estava a baixar. As medidas de austeridade do programa de resgate trouxeram um aumento significativo da dívida pública na sua relação com o PIB.
      – Portugal não é a Grécia?
      – Portugal é profundamente diferente da Grécia. Portugal teve um rápido crescimento económico até à chegada do euro. Entre 1999 e 2007, a Grécia cresceu muito, mas conseguiu isso à custa da dívida pública, que aumentou muito mais depressa do que no vosso país. Os governantes portugueses não atuaram de forma irresponsável, ao contrário dos seus congéneres gregos. O dinheiro em Portugal foi gasto, em grande parte, em investimentos de longo prazo, como no caso da educação, onde os indicadores são muito melhores do que na Grécia. Não faz sentido aplicar o mesmo tipo de medidas a Portugal. É como ter dois doentes, um com um ataque cardíaco e outro com cancro, e fazer-lhes o mesmo diagnóstico.

  28. Pedro Moreira diz:

    Bem…com todo o respeito por todos os que sofrem com estas medidas, e eu sou um deles e não me considero masoquista…. tenho o seguinte a dizer:
    Todos os que andaram 30 anos a ver todos os politicos a roubar e afundar o País a cada dia que passava… meus Srs.tenham vergonha! Deviam se ter insurgido todos mais cedo, quando o desemprego aumentava, o crescimento era quase nulo, o défice aumentava todos os anos, o dinheiro dos Portugueses ia inteiramente para pagar os serviços públicos e maus que nos prestavam, os sacos azuis, verdes e vermelhos,,, alusão ao dinheiro que outros governantes davam de mão beijada à mafia do futebol… enfim, nessa altura deviam ter rolado cabeças..
    Ainda em defesa do Dr. Passos Coelho, devo dizer que foi o único 1º com tomates para fazer o que deveria ter sido feito à 20 anos atrás, para que nos tivessemos tornado um País moderno, sério e livre de bandidos e corruptos. Acreditem que Portugal estará a crescer mais de 3,5% em 2015. … e só o crescimento nos dá liberdade para puder baixar impostos sem pedir mais dinheiro aos paises ricos.
    Lamento que os Portugueses tenham sido tão benovelentes com os outros politicos e que agora na ruptura se insurjam contra o melhor de todos os que lá passaram…. sorry!!!!

    1. carlos pereira diz:

      O melhor? vc anda a fumar aquela erva que faz rir? Lembro-me perfeitamente de Passos Coelho dizer que não tinha apoiado o PEC IV porque os Portugueses não podiam suportar mais sacrifícios e um dia depois foi dizer exatamente o contrario! E não só dizer como promover uma politica de austeridade exagerada que nem tinha sido pedida pela troika, aliás foi Passos Coelho que quis ir alem da troika, o País está nestas condições por culpa deste Governo, se me disser que os anteriores também foram culpados posso estar de acordo, só que nessa altura pelo menos também se viram coisas boas, hoje tudo o que se vê é negativo, não fazem ideia de como governar um País, nunca vi tamanha incompetência! Segunda-feira, Junho 10, 2013″A crise em Portugal é muito mais séria do que há dois anos”
      Robert Fishman, professor na Universidade de Notre Dame, ficou conhecido dos portugueses quando publicou, no diário The New York Times, um artigo intitulado Portugal’s Unnecessary Bailout (parcialmente traduzido no Jornal de Negócios), no qual defendia que “Portugal não precisava de ajuda externa”.
      Dois anos depois, Fishman é entrevistado na última edição do Expresso (p. 8). Eis duas passagens da entrevista:
      – Portugal não cresceu na última década, tinha um défice persistente e uma dívida pública a aumentar depressa. Não eram razões para um resgate?
      – De forma nenhuma. As exportações estavam a crescer, havia indicadores muito positivos — na educação eram os mais positivos em toda a Europa do Sul — e o défice estava a baixar. As medidas de austeridade do programa de resgate trouxeram um aumento significativo da dívida pública na sua relação com o PIB.
      – Portugal não é a Grécia?
      – Portugal é profundamente diferente da Grécia. Portugal teve um rápido crescimento económico até à chegada do euro. Entre 1999 e 2007, a Grécia cresceu muito, mas conseguiu isso à custa da dívida pública, que aumentou muito mais depressa do que no vosso país. Os governantes portugueses não atuaram de forma irresponsável, ao contrário dos seus congéneres gregos. O dinheiro em Portugal foi gasto, em grande parte, em investimentos de longo prazo, como no caso da educação, onde os indicadores são muito melhores do que na Grécia. Não faz sentido aplicar o mesmo tipo de medidas a Portugal. É como ter dois doentes, um com um ataque cardíaco e outro com cancro, e fazer-lhes o mesmo diagnóstico.

  29. Quem tem dúvidas que este bandalho é LADRÃO?

  30. Quem tem dúvidas que este bandalho é LADRÃO?