Foxconn admite ter menores a trabalhar

A empresa Chinesa famosa por montar o iPhone admitiu que tem alguns trabalhadores de 16 anos, e até alguns de apenas 14 anos!

Segundo a empresa, a identidade dos jovens não foi verificada ao assinarem o contrato.
Esta ilegalidade foi descoberta pelo China Labor Watch, grupo de defesa dos direitos dos trabalhadores. De acordo com a legislação da China, a idade mínima para estar vinculado a uma empresa, é de 16 anos.

Agora as crianças já foram todas demitidas, voltaram para as escolas,e a Foxconn já emitiu uma nota de desculpas, a explicar o sucedido.