Burlas SEO a outro nível

Driblar algoritmos de buscas é, cada vez mais, um negócio de milhões. Fazer com que os resultados de uma determinada página sejam prioritários relativamente a outras pode fazer com que muito dinheiro corra.

E o esquema de burla está a ser elevado a um outro nível pela colocação de instrumentos mais ou menos automáticos de divulgação de conteúdos noticiosos para grandes clientes de informação como é o caso de agências noticiosas e dos grandes portais informativos.

O último abuso conhecido, alvejou o próprio Google que se viu envolvido numa nota de imprensa de escala global em que era anunciada a compra de uma empresa de tecnologia wireless e que fez com que os resultados desta última atingissem níveis records. A nota de imprensa foi colocada no serviço prWEB por um utilizador anónimo que com um custo inferior a $200.

Bem vindos ao perigos das notícias sem editores e sem jornalistas…