Me.ga começa a ser bloqueado

Já antes de ser oficialmente lançado, o serviço criado por Kim “dot” Com  foi bloqueado no Gabão. O ministro de comunicações do país, Blaise Louembe, afirmou que o endereço www.me.ga foi encerrado a pedido do governo, para que nenhum site com conteúdo ilegal permanecesse no ar.

Ao que tudo indica, tudo isto foi feito por pressão de países como os Estados Unidos, ao que Kim respondeu que “isto só mostra o alcance  dos Estados Unidos e da companhia Vivendi”.  “Temos um domínio alternativo. Isso só demonstra a má fé empregada na caça às bruxas promovida pelo governo norte-americano”

 

Comentários

  1. JORGE diz:

    Com que então “permanece-se”… Não quererão dizer “permanecesse”?

    *Corrigido*

  2. JORGE diz:

    Com que então “permanece-se”… Não quererão dizer “permanecesse”?

    *Corrigido*

  3. Nuno diz:

    E pelos vistos ou está offline agora 🙁

  4. Nuno diz:

    E pelos vistos ou está offline agora 🙁