Utilizadores rejeitam consolas que não corram jogos usados

gamestop-logo

Esta conclusão é da GameStop, uma loja especializada em videojogos: 60% dos consumidores não querem uma consola onde não vão poder usar jogos em segunda mão.

Três em cada cinco consumidores inquiridos pela GameStop afirmaram que não querem comprar uma consola onde não possam correr jogos usados.

Não se conhecem os detalhes da sondagem feita por esta cadeia de lojas, mas a verdade é que a GameStop tem uma grande parte do seu negócio na revenda de jogos usados. Recorde-se que há rumores de que as consolas de próxima geração da Microsoft e da Sony vão bloquear os títulos em segunda mão.

De acordo com Rob Loyd, a venda de jogos usados é feita maioritariamente para títulos antigos, pelo que este segmento é uma forma de revitalizar o mercado e não uma ameaça para os títulos novos. Se as novas consolas apenas permitirem jogos novos tudo indica que a base de compradores possa ser mais reduzida, diminuindo assim os lucros de fabricantes e de programadores de videojogos.