Cientista português põe ratos a comunicar pelo cérebro

rato

Um cientista português está a dar que falar por uma descoberta científica.

Miguel Pais Vieira, de 33 anos, está na Universidade de Duke, nos Estados Unidos, e é o primeiro português a provar como dois ratos podem usar apenas os seus cérebros para partilhar informação. A descoberta pode revolucionar o tratamento de pessoas que sofrem de paralisia.

Doutorado em neurociência na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, é o primeiro autor português dos dois estudos, publicados a no final de fevereiro no ‘Journal of Neuroscience’ e na ‘Scientific Reports’.

“É uma nova forma de comunicação, que não existe na natureza”, diz Miguel Pais Vieira à agência Lusa, garantindo que esta foi a primeira vez que os cientistas conseguiram que dois animais comunicassem diretamente através dos seus cérebros.