Jogos de brincadeira, despesas a sério!

Jogos-para-ipad

A história chega-nos do Reino Unido e retrata um par de gémeos que, durante apenas um fim-de-semana, terá gasto em extras de um jogo no iPad dos pais cerca de mil libras (€1250) em extras (roupas e animais) para continuarem a evoluir num jogo que inicialmente se apresentou como gratuito. Esta nova geração de jogos estão programados para facilitar as compras inocentes por parte de crianças que, basta terem acesso à password dos cartões de crédito dos pais (muitas vezes virtuais e guardados no mesmo aparelho), para gastarem dinheiro em dezenas de compras pequenas e de baixo valor.

Especialistas britânicos, como o psiquiatra Richard Graham, alertaram então para os efeitos “perigosos” de longo prazo que podem advir do uso prolongado destes dispositivos. E estimam em 30% a percentagem de pessoas “digitalmente dependentes”. Richard Graham avisou, entre outras coisas, para a dificuldade que os jovens sentirão mais tarde em desenvolver relações sociais num quadro normal, “ávidas” que estão de “interacção constante”.

Mesmo com todos estes alertas, os pais continuam a apostar no entretenimento digital para poderem relaxar dos filhos e tê-los seguros e entretido a um canto.