Lâmpada com 110 anos continua a funcionar.

É concerteza um marco no que diz respeito a longevidade de consumíveis domésticos. Trata-se da mais velha lâmpada de filamento incandescente em funcionamento que cumpriu já 110 anos de funcionamento ininterrupto, estando já a caminho do 111º ano. Está instalada no quartel de bombeiros de Livermore desde 1902 e tem já uma câmara que regista todas as alterações que possam ocorrer na decana de todas as lâmpadas de iluminação.

O ano de 1902 ficou marcado por vários acontecimentos importantes para além da instalação da lâmpada centenária de Livermore. Em janeiro, morreu a rainha Vitória, marcando o fim de uma era. O ainda vice-prisidente dos Estados Unidos, Theodore Roosevelt, disse a célebre frase “fale de forma suave e ande com um pau grande” e, ainda no mesmo ano, tornou-se no 26º presidente dos EUA. Em Inglaterra, a Scotland Yard criou um arquivo de impressões digitais e na Suécia foi realizada a primeira cerimónia do Prémio Nobel, em comemoração do quinto aniversário da morte de Alfred Nobel.

Quantas lâmpadas já teve que mudar lá em casa?