Chama-se android M e é só para carros!

Este é o próximo passo para a produtoras de software que trabalham exclusivamente na internet. Grande parte da vida dos dias de hoje passa-se no percurso para o trabalho e/ou para deixar as crianças na escola ou em quais quer atividades de enriquecimento curricular. Nestes cada vez maiores percursos a ligação à internet também começa a ser indispensável, ou para manter o contacto com o mundo ou como fonte de streaming de entretenimento.

O Google está a preparar uma versão do sistema operativo Android para ser integrada na estrutura dos automóveis, permitindo aos condutores utilizarem a Internet sem que tenham que usar o seu smartphone. Atualmente, o Google tem o Android Auto, um software que vem com sua versão mais recente do sistema operativo e que exige que um smartphone esteja ligado a um carro com um ecrã integrado que permite o acesso a streaming de música, mapas ou outras aplicações. Até agora, a empresa não avançou oficialmente um prazo para pôr em prática o seu plano de pôr o Android Auto directamente na estrutura das viaturas, como uma componente de software.

E quando é que os carros passam a fazer coisas sozinhos?