Como treinar o seu cérebro.

É cada vez mais aceite que a nossa maneira de ser e de pensar não tem que ser determinista, isto é, pode sofrer evoluções e podemos mesmo treinar o nosso cérebro para ajudar nessas alterações. Para isso basta uma dose de introspeção quanto baste, para identificar os descarrilamentos e o que nos leva a eles por forma a podermos retirar maus hábitos e maus comportamentos do nosso dia a dia.

Fazer coisas novas parece ser a chave. Cada vez que desafiamos o nosso cérebro para uma nova tarefa, um novo percurso ou uma atividade feita de uma forma diferente, podemos estar a estimular novas áreas do cérebro. Porém, convém recordar que se o cérebro realiza determinadas tarefas de forma automática, é para libertar a atenção para outras tarefas que necessitam de maior foco.

Experimente, por exemplo lavar os dentes com a mão esquerda se for destro ou com a direita, se for canhoto ou então tente ir para o emprego por um caminho diferente todos os dias e verá que a perspetiva das coisas, mesmo das mais negras, vai alterar-se.