Novo sismo abala o Nepal

A terra voltou a tremer sob solo nepalês esta manhã, com intensidade de 7,4 na escala de Richter. Sensivelmente 3 semanas depois de um outro sismo ter abalado a capital nepalesa ainda que com uma intensidade maior, os habitantes de Katmandu voltaram a sair para a rua apressadamente com medo da instabilidade e do estado fragilizado dos edifícios depois do sismo de 25 de abril.

“Ainda não há informações de destroços na cidade”, afirmou Rameshwor Dangal, um oficial nepalês. “Foi [um terramoto] muito grande e durou mais do que um minuto”, contou. A cidade de Katmandu encontra-se numa zona de grande actividade sísmica, sendo que a última vez que tinha sido destruída por um terramoto ainda mais agressivo fora em 1934.

Num ambiente predominantemente dominado pela geografia, a mãe natureza continua a querer esculpir e a dar novas formas ao “teto do mundo”.